XXI PARADA LIVRE E LIVRARIA TAVERNA APRESENTAM SARAU QUEER

Em novembro acontece em Porto Alegre a XXI Parada Livre 2017 e para aproveitar o ensejo a Livraria Taverna preparou um ciclo de atividades com temática LGBT. Queer? A exceção que não anseia ser regra. Voz que reverbera de alguma margem para outras margens. Narrativas das aberrâncias, dissonâncias e deformidades, que derrubam estacas fincadas, e incomodam, e desacomodam, e desalinham. Literatura impura, profana, que não deseja ser canonizada, tampouco canoniza os desejos e afetos, sejam quais forem. Dieison Marconi e Michel de Oliveira apresentam uma seleção de contos, crônicas, poesias, canções e fragmentos de narrativas longas, de autoria queer brasileira, com a leitura de autores como Caio Fernando Abreu,Cassandra Rios, Natalia Borges PolessoJoão Silvério Trevisan, além de inéditos dos mediadores. 

SOBRE OS MEDIADORES

Dieison Marconi cursa doutorado em Comunicação e Informação na UFRGS, com pesquisa sobre as nuances da autoria queer no cinema contemporâneo brasileiro. Recebeu o Prêmio Compós 2016 pela dissertação ‘Documentário queer no Sul do Brasil (2000-2014): narrativas contrassexuais e contradisciplinares nas representações das personagens LGBT’. 

Michel de Oliveira é doutorando em Comunicação e Informação pela UFRGS, autor de ‘Cólicas, câimbras e outras dores’ (Editora Oito e Meio), livro finalista do Prêmio Sesc de Literatura 2016 e da 1ª Maratona Literária da Editora Oito e Meio.

CICLO DE ATIVIDADES LGBT NA TAVERNA
• 03/01 – Gênero, sexualidade e a gestão da morte nas prisões – com Gustavo Passos
• 09/11 – Transição de gênero: construindo uma nova existência –
com Atena B. Roveda
• 17/11 – Sarau QUEER – com mediação de Dieison Marconi e Michel de Oliveira
• 18/11 – Sarau das minas: edição lésbica
• 23/11 – Representatividade LGBT na literatura: um ato de resistência – com Vitor Necchi

Veja mais no site do Alguém Avisa e siga também as atualizações nos perfis oficiais no Twitter, no Facebook e no Instagram.