PORTO ALEGRE QUER SE TORNAR DESTINO GAY FRIENDLY

O Programa Porto Alegre LGBT estrutura o segmento gay-friendly na capital do Rio Grande do Sul. O processo se dá a partir da identificação da oferta turística existente, da organização da informação e da qualificação dos serviços de receptivo turístico (hotéis, restaurantes, bares, entre outros) focada em práticas de bom acolhimento do público LGBT. Com isso, o objetivo da Secretaria Municipal de Turismo é evidenciar e consolidar a cidade como destino turístico para a comunidade LGBT, tanto no campo institucional das políticas públicas como no mercado turístico nacional e internacional.

Os estabelecimentos que aderem ao programa Porto Alegre LGBT devem atender a critérios de boas práticas no acolhimento do público do segmento turístico LGBT, informados por meio de cartilhas e em cursos de qualificação específicos. Assim, o empreendimento deve passar por um processo de qualificação e assinar uma carta compromisso em que se compromete com os princípios de acolhimento nela expostos. Este processo de qualificação vai ao encontro do combate ao preconceito que já é previsto em legislação municipal. Artigo da Lei Orgânica do município de Porto Alegre prevê a possibilidade de serem penalizados com multa e até cassação do alvará de instalação e funcionamento os estabelecimentos que vierem a praticar ato discriminatório racial, de gênero, por orientação sexual, étnica ou religiosa, de filosofia ou convicção política, deficiência física, mental, entre outras situações.

Confira o vídeo da campanha:

Para aderir ao programa, ou obter maiores informações, basta fazer contato com a Secretaria Municipal de Turismo pelo e-mail qualificacao@turismo.prefpoa.com.br ou o telefone (51) 3289 6700.

Veja mais no site do Alguém Avisa e siga também as atualizações nos perfis oficiais no Twitter, no Facebook e no Instagram.